quarta-feira, 31 de março de 2010

Ja esta instalado ca em casa!

Foram-se os acentos mas o portatil novo e tao lindo! Ah e tambem funciona muito bem.

Para comprar estas coisas nao posso ir sozinha se nao trago o portatil mais lindinho em vez de trazer o que em teoria funciona melhor. De qualquer forma apaixonei-me mesmo pelo que tinha a melhor relacao qualidade-preco.

E um HP e tem montes de mariquices que o outro nao tinha. Vou ficar com o rabo quadrado!

Portátil

Hoje é dia de ir comprar um portátil novo que o lá de casa sofreu um pequeno acidente.

Nunca mais sao horas de ir para casa para depois ir ao shopping escolher uma máquina nova! 

terça-feira, 30 de março de 2010

Ilhas Gregas

Em Junho deste ano comemoramos 10 anos de namoro! O destino das férias que temos marcadas para essa altura se não mudarmos de emprego entretanto são as ilhas Gregas. Mas ainda não sabemos que ilha escolher. A ideia é descansarmos, fazer muita praia e voltarmos para Londres com um belo bronze. Alguém tem sugestões?

domingo, 28 de março de 2010

Gripe

Estou em casa com gripe! Há muito tempo que não ficava assim. Ontem passei a maior parte do dia na cama e hoje estou a perder a voz mas ao menos já não me sinto tão cansada e dorida.

sábado, 27 de março de 2010

Curso de Espanhol - Balanço

Foram 10 semanas que passaram muito rápido. Aprendi mais umas coisas de espanhol, conheci gente nova e diverti-me. Aprender espanhol a partir do inglês não é nada fácil porque ás vezes sei exactamente o significado de algumas palavras mas não consigo traduzir para inglês. Gostei do curso mas acho que consigo continuar em casa e antes de me meter noutro preciso de estudar mais gramática.

quinta-feira, 25 de março de 2010

Primavera

A Primavera já se anda a querer instalar aqui por Londres e ontem para aproveitar estas temperaturas amenas fui até ao parque ler um livro.

segunda-feira, 22 de março de 2010

Cenas do dia-a-dia

Na "mercearia" (aka off license) um miúdo de cerca de 13 anos olha para mim e pergunta:
-Excuse me. Do you know if pepperoni pizzas are nice?
Eu respondi:
-I like it.
E o miúdo pegou numa pizza de pepperoni e numa lata de Fanta e foi pagar.

Ah Londres!

Continuo a amar viver nesta cidade. É verdade que faz frio e que a maior parte dos dias são cinzentos. Mas aqui há sempre qualquer coisa a acontecer. Podemos sair até ás horas que quisermos e beber porque há autocarros toda a noite e ninguém vai ter de conduzir. Posso vir para casa sozinha à noite sem ter medo. Quando faz Sol é motivo de festa e tenho o parque a cinco minutos de casa onde posso ir passear ou deitar-me na relva a ler um livro. Aqui ganho o suficiente para ser independente. Posso viajar para muitos sitíos a preços bem acessiveis. Conheço pessoas de vários países. Aprendo mais sobre outras culturas e algumas vezes até sobre a história de Portugal. Esta cidade faz-me bem.

domingo, 21 de março de 2010

Nice e arredores - Notas finais

- Achei os franceses em geral muito simpáticos
- Os miúdos em Nice sao muito mais civilizados do que em Lisboa ou Londres
- Foi divertido falar frances grande parte do tempo
- É raro encontrar franceses que falem ingles
- Só ouvi falar portugues uma ou duas vezes
- Os franceses nao fazem filas (pelo menos em Nice e arredores)
- A comida é cara seja no restaurante ou no supermercado mas em geral é de boa qualidade
- Seguranca alimentar e higiene sao conceitos estranhos para os franceses
- Refrigerantes e água mineral sao muito caros nos restaurantes e a melhor opcao geralmente é mesmo beber vinho ou água da torneira. É prática comum servir água da torneira em jarros mesmo sem pedirmos.
- No fim da refeicao bebe-se café como em Portugal
- É comum ver pessoas a jogar a malha nos jardins
- Há muitos sem-abrigo em Nice (especialmente debaixo de arcadas)
- Os transportes sao muito baratos e funcionam relativamente bem
- Se vao passar pelo aeroporto de Nice levem comida porque a escolha é escassa e é muito caro, levem também qualquer coisa para se entreterem porque quase nao há lojas.

sábado, 20 de março de 2010

Nice e arredores - Day 5

Último dia em Nice e finalmente dedicámos o dia a esta bela cidade. O check out do hotel tinha de ser feito até ás 11 da manhã mas eles foram muito simpáticos e guardaram-nos a mala até ao final do dia.

Visitámos o castelo de onde pudemos ver a cidade de outra forma. A cor da água é realmente impressionante.

Passeámos pela parte velha grande parte do dia porque fora dessa zona estava tudo fechado por ser Domingo.
Apanhámos o mercado aberto e deliciámo-nos com bancas de flores, especiarias, queijos, legumes, entre outros.

O almoço foi mexilhões fritos ("moules frites") num restaurante na zona velha chamado La Mama. Ao lanche provámos a famosa "socca" e como eu não gostei muito fui comer um crepe a uma gelataria e fiquei mais satisfeita.

Demos voltas infindáveis no labirinto de ruas que é aquela zona, despedimo-nos do mar e fomos buscar a mala ao hotel para nos pormos a caminho do aeroporto.

Tinhamos pensado comer qualquer coisa no aeroporto mas por volta das 8 da noite os únicos sítios onde vendiam comida já nao tinham quase nada e alguns fecharam entretanto. Acabámos por comer uma tosta no aviao e bebemos coca-cola que comprámos nas máquinas de bebidas do aeroporto.

sexta-feira, 19 de março de 2010

Saída a dois

Vencemos a preguicite aguda e ontem em vez de nos estendermos na cama a ver um dos filmes novos que comprámos na HMV saímos de casa e fomos até ao Guanabara. Quando lá chegámos fomos muito bem recebidos com a oferta de duas caipirinhas que acompanhámos com umas deliciosas coxinhas de frango. Mais uma vez o DJ Limao nao nos deixou ficar mal e a noite acabou mais tarde do que o previsto.

Nice e arredores - Day 4

E ao 4º dia fomos a Cannes. Grandes expectativas pelas praias de areia e pelo "palácio" do Festival. Mas Cannes não esteve à altura das expectativas.

O dia começou com um grande pequeno-almoço em Nice.

Uma hora e meia de autocarro e estávamos em Cannes. Sitiozinho mal frequentado e não com muito bom aspecto. Comemos umas tostas num quiosque com poucos ou nenhuns cuidados a nível de segurança alimentar e só queriamos era sair dali. E assim foi. Fomos até ao porto onde comprámos os bilhetes de barco para a ilha de Sainte-Marguerite. Uma ilha quase deserta a 1Km de Cannes. 
Quinze minutos a andar de barco e estávamos no paraíso.
Depois de uma volta pela ilha e uma visita ao museu do mar onde visitámos a cela do homem da máscara de ferro apanhámos o barco de volta para Cannes. Lanchámos no McDonalds de Cannes depois de uma passagem pelo "palácio" onde decorre o Festival de Cannes.
E cheios de vontade de voltar a Nice fomos apanhar o autocarro que desta vez demorou cerca de duas horas!

E estava na hora do jantar quando chegámos. Voltámos ao Pasta Basta para a melhor refeição das férias. "Merda di Can"! Um prato típico de Nice. Fomos super bem atendidos. Em geral os franceses ficam muito contentes quando tentamos falar francês e nós esforçámo-nos com a ajuda de um pequeno livro com frases úteis.

Neste dia deu para ter a certeza absoluta que fazer filas não é com os franceses. Não conheço gente mais bruta quando toca a entrar nos transportes públicos.

quinta-feira, 18 de março de 2010

Nice e arredores - Day 3

No terceiro dia fomos ao Mónaco. Estava uma manhã linda de Sol em Nice mas quando chegámos ao nosso destino começou a chover granizo!
Passámos pelo casino de Monte Carlo enquanto ainda estava fechado. Depois de espreitarmos os preços das coisas por lá fomos ao supermercado comprar o almoço. Para terem uma ideia vimos uma sandes que custava €11! Encontrámos umas arcadas perfeitas onde almoçámos descansados sentados no mármore gelado. Demos mais umas voltas e por todo o lado a presença da fórmula 1 é evidente.
Subimos até ao palácio que não é nada de especial e passeámos pela parte velha que tem a sua piada mas a vista é mesmo o melhor.
Não fiquei particularmente impressionada com o Mónaco. Foi o primeiro sitio em que vi um sinal de proíbido fotografar na entrada de um jardim público! Visitámos tudo a pé. Aquilo é bem pequeno mas é só altos e baixos e no dia a seguir doiam-nos as pernas.

O jantar foi no restaurante onde jantámos no primeiro dia em Nice apenas porque nos tinham oferecido um voucher que valia um cocktail. A comida não melhorou, o cocktail era muito mau mas o vinho era excelente.

quarta-feira, 17 de março de 2010

Alice

Fui ver a Alice no País das Maravilhas e quase me esquecia de vir aqui escrever sobre isso. Gostei muito do filme mas não amei. Este é daqueles que vale a pena ver no cinema porque no pequeno ecrã e sem ser em 3D deve perder metade do encanto. Depois do filme seguiu-se um jantar a dois no Mexicali que soube mesmo bem.

terça-feira, 16 de março de 2010

- um flatmate

O meu flatmate foi embora ontem. Vai passar duas semanas a Alemanha com a namorada e depois de uma breve passagem por Londres em Abril vai para o Dubai comecar o emprego novo. Deixou-nos algumas coisas, DVDs, CDs, gin e o copo favorito dele e vai deixar algumas saudades pela boa disposicao.

domingo, 14 de março de 2010

Nice e arredores - Day 2

Apanhámos o autocarro até Èze logo de manhã e percorremos as ruas a pé. Èze parece-se um bocadinho com Óbidos e tem lojas muito engraçadas. Chegada a hora de almoço fomos até um mini-mercado comprar uma baguete gigante e presunto. Para a sandes não ficar tão seca achámos que era boa ideia comprar uma garrafa pequena de azeite numa das lojas de Èze. Uma garrafa de 0,60cl custou a módica quantia de €8!
Já de barriga cheia apanhámos outro autocarro para Beaulieu-sur-Mer onde demos um breve passeio antes de apanharmos o autocarro de volta para Nice.
De nice apanhámos outro autocarro. Desta vez para Cimiez onde visitámos o museu Matisse, os jardins de oliveiras e algumas ruinas romanas.
De volta a Nice fomos disfrutar o pôr-do-Sol.
Uma breve paragem no hotel e estávamos prontos para o jantar. O restaurante escolhido foi o Pasta Basta na zona velha de Nice. O atendimento foi excelente, a comida estava óptima e o vinho era mais ou menos.
Depois de me apresentarem o queijo assim na mesa tive a certeza que em França não existe nada do género da ASAE.
Demos umas voltas por Nice e pouco depois estávamos de volta ao hotel. 

Nota: Os transportes em Nice e arredores são extremamente baratos, €4 o passe diário ou €1 cada viagem.

quinta-feira, 11 de março de 2010

Nice e arredores - Day 1

O aeroporto de Nice é muito bonito mas a pista assusta por ser tão perto do mar. Pareceu-me a certa altura que iam aterrar o avião na água. A entrega das malas foi rápida assim como o controlo de passaportes e não esperámos mais de 5 minutos pelo autocarro que vai para o centro. Fomos recebidos por uma chuva torrencial que não ajudou muito na altura de andar para trás e para a frente à procura do hotel mas também não foi coisa para demorar assim muito e como levei chapéu de chuva não nos molhámos quase nada.

Chegados ao hotel fomos muito bem recebidos. Deixámos as coisas no quarto e saímos à descoberta de Nice. Chegados à praia que ficava a 5 ou 10 minutos a pé do hotel deparamo-nos com um mar muito agitado e com todas as praias fechadas.

Depois da voltinha de reconhecimento do território veio a saga de descobrir um restaurante não muito caro. Missão quase impossível em Nice. Acabámos por entrar no Piazza Papa que fica no sítio do mercado e que tinha uns menus (dois pratos sem bebida) a 14Euros mais 20% de desconto para pedidos feitos antes das 19:30. A carbonara não estava grande coisa mas o vinho e o leite creme estavam maravilhosos.

Depois do jantar não me lembro o que fizemos. Já vos disse que Lambrusco Rosé é o meu vinho preferido?

segunda-feira, 8 de março de 2010

De volta

Estou de volta a Londres depois de uns belos 5 dias na Riviera Francesa. Mais detalhes da viagem para breve. Por agora ficam as notícias da vida por aqui. Ontem o meu flatmate preferido disse-nos que se vai embora (acho que para o Dubai) no próximo fim de semana e a minha flatmate vai-se mudar para o quarto dele com o namorado. O que significa que vamos ter um/a flatmate novo/a em breve. Como de costume só espero que pelo menos este/a nao seja pior do que nenhum dos que já passaram lá por casa.

quinta-feira, 4 de março de 2010

2 anos a viver em Londres

Faz hoje 2 anos que estou a viver em Londres.

Há um ano escrevi isto e desde aí nao aconteceram grandes mudancas. Continuo a viver por Hendon na mesma casa. O emprego é o mesmo mas passei por uma "onda" de despedimentos no Verao do ano passado e vi alguns dos meus colegas serem despedidos. E comecei a estudar Espanhol.

A nível de passeios e viagens fomos 4 vezes a Portugal, uma delas para mostrar Portugal a Renata, outra acampámos em Milfontes, noutra fomos conhecer a Ilha da Madeira e Porto Santo e o Natal foi passado em família por Lisboa e arredores. Pelo UK visitámos Epping Forest, Cambridge e fui a Birmingham em trabalho. E por esta altura devemos estar em Nice ou algures na Riviera Francesa.

No que toca a visitas foi um ano mais animado. O meu irmao esteve por cá em Junho, a Mónica veio cá no início de 2010 e pouco tempo depois o André também esteve por cá.

Mais um ano com balanco positivo!

quarta-feira, 3 de março de 2010

Até já Nice

Daqui a nada ponho-me a andar daqui para fora que tenho um avião para apanhar!

Nice e arredores aqui vou eu!

terça-feira, 2 de março de 2010

Trancada em Casa

Hoje quando ia sair de casa ás sete da manha para ir trabalhar nao consegui abrir a porta! Acordei o senhorio que foi impecável e em vinte minutos chegou lá a casa. Entretanto o meu namorado e o nosso flatmate conseguiram abrir a porta. E percebemos que aquilo aconteceu porque a nossa querida flatmate ontem a noite trancou a porta do lado de fora e depois fechou-a a forca. Há gente tao inteligente. Anda aquela alminha a tirar um mestrado. E esta nao foi a primeira vez que isto aconteceu. O senhorio vai falar com ela e provavelmente com o namorado dela também já que trabalham juntos. Vá lá que consegui chegar só vinte minutos atrasada.